(45) 3306-7172 Rua Maranhão, 790 - Sala 09 - Edifício Green - Cascavel/PR

PATOLOGIAS /

RESSALTO DO QUADRIL

O ressalto no quadril é caracterizado por um ressalto percebido ou por um estalido no quadril, geralmente desencadeado após um movimento da articulação. A sensação de quem sofre com este problema é de que a articulação sai do lugar e encaixa novamente (mas, isso é só uma sensação, não acontece de verdade).

Na maioria das vezes, embora possa apresentar uma sensação desagradável, o ressalto costuma ser indolor.

É mais comum em mulheres e em praticantes de esportes, e este fato se deve ao fato de que estes indivíduos apresentam os tendões do quadril mais tensos do que o normal. Justamente aí que se encontra a causa do problema, pois a sensação de estalido ou ressalto se dá quando um tendão tenso tenta passar sobre uma saliência óssea e fica por um instante preso. Quando ele finalmente consegue passar, produz os sintomas.

Existem dois locais onde esta patologia ocorre com maior frequência:

• Na região lateral do quadril, denominado ressalto externo, a forma mais comum. Neste tipo, existe a nítida percepção de desencaixe na lateral do quadril que pode ser percebida colocando a mão nesta região. O tendão do músculo glúteo máximo tenta passar sobre a saliência do fêmur chamada grande trocanter.

• Na região interna da coxa, chamada de ressalto interno. Ao contrário do tipo anterior, este ressalto não pode ser sentido com a mão. Ele é interno, percebido com sendo na face anterior da coxa ou virilha. Nele, o tendão do músculo iliopsoas passa sobre uma proeminência óssea na pelve.

PERGUNTAS FREQUENTES

Estas informações jamais substituirão a consulta ou a conversa com seu médico, mas são úteis para esclarecer as principais dúvidas. Na Voglia Ortopedia temos uma equipe preparada e motivada para cuidar e apoiar você em suas decisões.

Porquê é mais comum em mulheres?
Isto se deve ao fato de que os ossos da bacia de uma mulher apresentam uma abertura muito mais larga por causa da gestação e do canal do parto. Apenas com um olhar na bacia é possível diferenciar uma pelve feminina da masculina.

Por isso, as mulheres têm uma grande predisposição a desenvolver o ressalto, pois os tendões do quadril ficam constantemente tensos e devem fazer muito mais força que o normal.

Um cuidado especial deve ser tomado por mulheres atletas e que gostam de fortalecer a musculatura glútea. Elas obrigatoriamente devem alongar-se bem e realizar fortalecimento global de todos os músculos ao redor do quadril e não apenas do glúteo.
Como posso tratar?
A base do tratamento está em reconhecer a causa do problema e intervir nela.

Normalmente no início é necessário repouso da atividade física, alongamento e um programa de reabilitação para melhorar a função global dos músculos.

Cirurgias são reservadas para casos isolados,com sintomas dolorosos por muito tempo e podem ser realizadas através de cirurgia minimamente invasiva (vídeo-cirurgia).

FALE COM A VOGLIA

Estamos à disposição para mais esclarecimentos sobres os procedimentos realizados na clínica. Envie sua mensagem que em breve retornaremos.

ENTRE EM CONTATO